Subscribe:

segunda-feira, 30 de julho de 2012

ESCONDERIJO DO ALTISSIMO...

                               SALMO- 91 - Vivendo na sombra do Altíssimo


Vivendo na sombra do Altíssimo
1 - Estamos seguros e protegidos;
2 - Estamos cercados de amor e carinho;
Introdução
            Em muitos lares encontramos as palavras desse salmo em quadros ou pequenas porcelanas expostas na estante. Outras deixam suas Bíblias abertas no Sl 91. São belas as palavras desse salmo, mas infelizmente, muitos a usam como palavras mágicas. Mas não é bem assim. Como digo esse salmo é de conforto e nos anima a confiarmos em Deus em tempos de necessidade e tentação.
            Aqui onde moramos, nop Estado de Alagoas, a colheita terminou, com a graça de Deus foi uma boa colheita, nada de mal aconteceu a nenhum agricultor e funcionário das fazendas. Se olharmos para anos passados, esse ano só temos a agradecer. Mas como nos ensina, o salmo 91, é de conforto e nos anima a confiarmos em Deus em tempos de necessidade e tentação. Se nesse ano só temos a agradecer pelas ricas bênçãos derramadas, então precisamos estudar esse salmo na direção da confiança em Deus em meio às tentações.
            Esse salmo usa como pano de fundo o Primeiro mandamento. Vamos relembrar: Qual é o primeiro mandamento?Eu sou o Senhor teu Deus, não terás outros deuses diante de mim.O que proíbe esse mandamento? Proíbe a idolatria. O que é idolatria? Culto prestado a ídolos. Amor, paixão exagerada. Descreve a idolatria como adoração a uma criatura como si fosse realmente Deus (idolatria grosseira), e ainda, amar e confiar mais em criaturas do que em Deus (idolatria disfarçada). Podemos citar as palavras de Jesus na leitura do evangelho de hoje: “Não temais os que matam o corpo e não podem matar a alma; temei antes aquele que pode fazer perecer no inferno tanto a alma como o corpo” (Mt 10.28).
            O que ordena o Primeiro mandamento? Confiar em Deus acima de todas as coisas.
Desenvolvimento
Vivendo na sombra do Altíssimo
        1 - Estamos seguros e protegidos;
            Confiar em Deus – o salmo 91, usado por muitos como palavras mágicas, mas aqui nos são apresentadas palavras que manifestam a certeza do cuidado e da proteção de Deus. Vamos dar uma olhadinha no Salmo 91.
            Esse salmo nos apresenta a figura de um hospedeiro. Esse hospedeiro é apresentado segundo os costumes orientais. Sendo assim o hospede têm a garantia da proteção integral. O salmista se apresenta como um hóspede de Deus, “aquele que procura segurança” e a encontra. É neste Deus, o defensor e protetor, que o salmista se abriga na sombra. Além de encontrar proteção para os perigos (tanto os escondidos como doenças mortais) o salmista encontra um Deus carinhoso, que o cobre com suas asas e debaixo delas encontra um amor protetor e refúgio certo.
            Vamos ler o salmo novamente.
            O que mais te chama a atenção? v.9 e 10. Nenhum mal pode cair sobre você. Mal algum? Parece que temos uma contradição aqui. De um lado o salmista dizendo que “nenhum desastre lhe acontecerá, e a violência não chegará perto da sua casa” e de outro lado temos Jesus que nos ensinou a orar da seguinte maneira: “Mas livra-nos do mal.” Eu vejo muitos filhos de Deus, cristãos sinceros que segundo o nosso ponto de vista passam por maus bocados.
            Pois bem, tudo o que acontece, seja bom ou ruim, (aliás lembrando que esse ano nós realizamos uma boa colheita, todos são unânimes ao dizer que ninguém pode reclamar), voltando, tudo o que acontece, inclusive aquilo que não nos agrada e que nós classificamos como mal, nos vem da parte de Deus, sim, do Deus apresentado pelo salmista, o Deus protetor de todos os perigos e o Deus amoroso. E se a nossa vida está sendo vivida na sombra do Altíssimo, temos um refúgio seguro, e mesmo que nós encaremos como ruim, tudo o que acontece conosco na sombra do Altíssimo contribui para o nosso próprio bem, como disse o apóstolo Paulo aos cristãos romanos: “Pois sabemos que todas as coisas trabalham juntas para o bem daqueles que amam a Deus, daqueles a quem ele chamou de acordo com seu plano” (Rm 8.28), e ainda no livro de Jó temos as palavras de Elifaz a Jó “Vez após vez Deus salvará você do perigo e não deixará que nenhum mal lhe aconteça. Em tempo de fome, Deus não deixará que você morra e em tempo de guerra ele o salvará da espada. Ele o protegerá das más línguas, e você não terá medo quando houver destruição. Você se rirá quando houver violência e faltarem alimentos e não terá medo dos animais selvagens. Nos seus campos as pedras não estorvarão o arado, ... Na sua casa você viverá em paz e, quando contar as suas coisas, não vai achar falta de nada” (Jó 5. 19-24) e ainda Paulo dizendo ao jovem Timóteo “O Senhor me livrará de todo o mal e me levará em segurança para o seu reino celestial. A ele seja dada a glória para todo o sempre! Amém!” (2Tm 4.18). Tudo o que Deus permite acontecer conosco, ele o permite para nos educar, “Pois o Senhor corrige quem ele ama e castiga quem ele aceita como filho” (Hb 12.6).
            O salmo 91 nos apresenta palavras de consolo e nos anima a confiar em Deus em tempos de necessidade e tentação. Hoje, nosso culto de agradecimento pela colheita, quero chamar a atenção para a grande tentação de abandonarmos esse Deus. Mesmo vivendo na sombra do Altíssimo, somos tentados a confiar em nós mesmos, encaramos as bênçãos como resultado do nosso esforço, como resultado de uma boa administração, oh como eu sou inteligente! Como resultado de uma boa influência nas empresas e entre as pessoas. E agora que tudo está colhido, e me sobrou algum dinheiro sou tentado a esbanjar, a confiar nele diante da doença. Até mesmo estou sendo tentado a reclamar, e até me negar de pagar algumas contas pendentes para poder satisfazer meus prazeres carnais.
            Vivendo na sombra do Altíssimo estamos seguros e protegidos. Toda a plantação e toda a colheita foram feitas na sombra do Altíssimo, ele enviou chuva no tempo certo, parou na hora certa, ele deu para a terra a fertilidade para produzir, deu a semente o poder de germinar. Nós fizemos a nossa parte, mas que se não fosse a mão de Deus, se não tivéssemos na sombra do Altíssimo de nada valeria todo o empenho e dedicação.
Vivendo na sombra do Altíssimo
        2 - Estamos cercados de amor e carinho;
            Nós que moramos em uma região muito quente sabemos a importância de uma sombra. Os agricultores hoje estão cercados de máquinas cobertas e com ar condicionado. Isso dá uma certa comodidade no trabalho. Da mesma forma, nós podemos ter a certeza do cuidado e da proteção de Deus. Estamos vivendo na sombra do Altíssimo, por isso, estamos cercado de amor e carinho.
            Todo esse amor e todo esse carinho não é merecido, como diz o salmista é resultado do estar a sombra do Altíssimo. Estar a sombra do Altíssimo é estar certo e confiante nas promessas de Deus. Quais são elas? Além da proteção e do cuidado, ainda temos nos vv. 14-16, salvação; resposta aos pedidos; estar ao nosso lado nas horas de aflição; livramento; nos fazer ser respeitados; vida longa.
            Vivendo a sombra do Altíssimo temos a certeza do livramento dos males durante a vida aqui neste mundo, e ainda a salvação eterna. Deus nos cerca de todo o seu cuidado para sempre no ter ao lado, Deus deseja a salvação de todas as pessoas, por isso, enviou seu filho Jesus Cristo pra morrer por nós.
            Somos ricamente abençoados por Deus, bênçãos infindáveis. E todas elas são resultado do amor de Deus por mim que apesar de pecador, ainda continuo amado pelo meu Pai celestial.
            Em Isaías 46.1-4, temos a descrição de que os deuses são carregados nas costas pelos seus seguidores. E diante dessa situação, Deus diz: “...Desde que vocês nasceram, eu os tenho carregado; sempre cuidarei de vocês. E, quando ficarem velhos, eu serei o mesmo Deus; cuidarei de vocês quando tiverem cabelos brancos. Eu os criei e os carregarei; eu os ajudarei e salvarei” (Is 46.3b–5). Somos carregados no colo e protegidos embaixo da sombra do Altíssimo, tudo porque Deus nos ama, como disse o apóstolo Paulo: “Mas Deus nos mostrou o quanto nos ama: Cristo morreu por nós quando ainda vivíamos no pecado” (Rm 5.8).
            Se nós vivemos na sombra do Altíssimo e sabemos do seu cuidado e proteção do seu amor e do seu carinho, podemos afirmar assim como o apóstolo Paulo; “..., pois aprendi a viver satisfeito com o que tenho. Sei o que é estar necessitado e sei também o que é ter mais do que é preciso. Aprendi o segredo de me sentir contente em todo o lugar e em qualquer situação, quer esteja alimentado ou com fome, quer tenha muito ou tenha pouco. Com a força que Cristo me dá, posso enfrentar qualquer situação” (Fp 4.11b-13).
            Vivendo na sombra do Altíssimo, e estar na sombra é estar tranqüilo, não se sofre o efeito dos raios ultra violetas, e não se chega a exaustão. Deus em Jesus nos deu a preciosa chance de não sofrermos as conseqüências desastrosas do pecado, a perdição eterna. Somos amados pelo pai celestial, e isso se prova a cada dia, pelo cuidado e proteção e se comprova pela salvação eterna, a qual já temos, mas ainda não a estamos vivendo no céu.
Conclusão
            O Primeiro mandamento nos ensina a confiar em Deus acima de todas as coisas. O Salmo 91 nos apresentam palavras de consolo que nos animam a confiar em Deus, seja nos momentos de dificuldade e nos momentos de tentação. Belas palavras a do salmista e que nós a usemos na certeza de seu cuidado, proteção, amor e carinho. Digamos com o salmista: “A pessoa que procura segurança no Deus Altíssimo e se abriga na sombra protetora do todo poderoso pode dizer a ele: ‘Ó Senhor Deus, tu és o meu defensor e o meu protetor. Tu és o meu Deus; eu confio em ti.’” E estando certo disso podemos concluir com o salmista: “Você fez do Senhor Deus o seu protetor e, do Altíssimo, o seu defensor; por isso, nenhum desastre lhe acontecerá,...
            Deus continue nos abençoando e que cada um continue vivendo na sombra do Altíssimo. Amém!   
BISPO/JUIZ.PHD.THD.DR.EDSON CAVALCANTE

0 comentários:

Postar um comentário

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.