Subscribe:

sábado, 24 de outubro de 2015

ESTUDO BÍBLICO A INVEJA DESTRÓI O CARÁTER CRISTÃO.


               ESTUDO BÍBLICO A INVEJA DESTRÓI O CARÁTER CRISTÃO.
Gênesis 37-50
Introdução: conta-se uma lenda bem conhecida que um pessegueiro olhou para a castanheira a seu lado e invejou os galhos carregados de frutos de sua companheira. Porque essa árvore dá tantos frutos, pensou o pessegueiro- e eu produzo tão poucos? Isto não é justo. Vou tentar fazer o mesmo! Não tente, disse um jovem pé de ameixas que lera o pensamento de pessegueiro. Você não reparou na grossura dos galhos da castanheira? Não vê o tamanho do tronco? Cada um de nós deve produzir aquilo de que é capaz. Pense em produzir bons e doces pêssegos. O importante é a qualidade, e não a quantidade! Porém o pessegueiro, cego de inveja, não lhe deu ouvidos. Pediu à suas raízes que sugassem mais alimento do solo; que seus veios transportassem mais seiva; que seus ramos dessem mais flores e que as flores se transformassem em frutas até que, ao chegar a época da colheita, ele tivesse carregado de cima a baixo. E assim aconteceu! Mas quando os pêssegos amadureceram, seu peso aumentou e os galhos não conseguiram sustenta-los.O tronco também não aguentou os galhos tão carregados de frutas. E com um gemido, o pessegueiro curvou-se. E então, com grande estrondo, o tronco se quebrou e caiu... E os pêssegos apodreceram ao pé da castanheira!

Inveja: guarde bem essa palavra em sua mente.
Porque o sentimento que ela trás entranhado em si tem destruído muitas pessoas. Dividido famílias, amizades e até mesmo Igrejas.
Estudiosos dizem que: A Inveja: é um misto de ódio, desgosto e pesar pelo bem e felicidade de outrem; é o desejo violento de possuir o bem alheio; é o invejar a prosperidade, as realizações e a alegria de outra pessoa.
E geralmente a pessoa afetada diz: Pastor. Mas eu não fiz e não faço nada pra ninguém! Eu sou uma pessoa boa! O que será que eu fiz para a pessoa me querer mal?
Essa pergunta não é feita de hoje.

Transição: A Bíblia fala que esse vilão a Inveja, atacou uma pequena família na região de Canaã. E separou um jovem chamado José de sua casa.
Foi à inveja que fez com que José fosse jogado em uma cisterna.
Foi à inveja que fez com que José fosse vendido para o Egito.
Foi por causa da inveja que José perdeu os melhores anos da sua vida num calabouço frio e sujo.

Quem sabe ele se perguntava como você se pergunta hoje: Por que Senhor?
A resposta está no versículo 11- os seus irmãos pois o invejavam.
A inveja é terrível e pode não tirar as bênçãos de você, mas pode adia-las.
É por isso que eu quero levar você a meditar um pouquinho sobre o porque José foi invejado pelos seus irmãos.
Para isso eu quero aplicar o que é chamado pelos estudiosos de regra de 3 das possíveis causas das invejas.

I) ELES NÃO ERAM QUEM ELE ERA.
-Por que me invejam Pastor? Porque não são quem você é. Uma pessoa influente, realizada, com muitos amigos, alegre, sempre sorridente.E por não ser assim eles lutam para procurar alguma falha, algo que possa tirar o brilho que Deus deu para você.
-Há uma história muito antiga de um vaga lume que era perseguido por uma serpente. Cansado daquela vida o vaga lume resolveu perguntar porque ela desferia os seus golpes contra ele sempre. A resposta foi rápida e incisiva: Eu não suporto te ver brilhar.
-Uma pessoa pode causar inveja nas pessoas pelo simples jeito de ser.
-Quantas pessoas frustradas por não conseguirem se realizar na vida. Pelo simples fato de não correrem atrás dos objetivos e conquistar seu espaço, mas ficarem tentando ofuscar o brilho dos outros.
Quem era José? O texto nos diz que José era o filho amado de Jacó. Era o protegido do pai. E isso ficava evidente.
Por esse motivo ele foi invejado a ponto de tentarem contra a sua vida.
José nunca buscou isso, para a sua vida. Mas pelo fato de ser ele sofreu.

II) MAS JOSÉ SOFREU PORQUE SEU IRMÃOS NÃO TINHAM O QUE ELE TINHA.
-O que ele tinha?
-Ele tinha uma túnica dada pelo seu pai.
-Ora o que tinha demais nessa túnica.
-Ela não era uma túnica qualquer.
-De acordo com o historiador Charles Swindow era uma túnica toda enfeitada, colorida, cujo cumprimento dava até o tornozelo. Quando na época os filhos recebiam túnicas curtas e leve para facilitar o trabalho pesado.
De acordo com esse historiador ao dar essa túnica á José ele estava dizendo: Meu querido filho você não precisa trabalhar em trabalhos pesados.
Lembrando que a função do pastoreio era dos filhos mais novos na cultura hebraica.
Eles tinham que exercer no lugar dele.
Isso deixou seus irmãos uma fera.
Cada vez que eles olhavam para aquela túnica era uma afronta.
Você sabia que o que você pode causar inveja em outras pessoas?
Não é a toa que os centro espíritas estão lotados, as encruzilhadas estão lotadas de despachos.
Não é a toa que nós estamos vivendo NUM TEMPO onde não se pensa duas vezes para prejudicar outra pessoa.
Um Pastor amigo: acabou de trocar o carro, quando saiu da casa de uma irmã a quem visitava o capô do carro estava todo riscado. Sabe o que ele disse? Eu já esperava.
O que preocupa é que nem a igreja está livre disso: tem até uma tal invejinha santa!que surgiu no meio evangélico.
O irmão passa um tempo esperando sair uma causa na justiça o irmão vai testemunhar. Estou construindo, comprei carro: o outro diz: o Senhor lembra de mim também. O endereço é tal e número Tal.
Senhor nem precisa ser uma casa grande, só a metade da casa do irmão ta bom.
- Isso só pelo fato de o outro ter.

III) ELES NÃO FAZIAM O QUE ELE FAZIA.

José sonhava os sonhos de Deus para a sua vida. Era uma pessoa séria, trazia as notícias daquilo que ocorria no campo.
José tinha a capacidade de fazer as coisas corretas de se manter fiel.
O que muitas pessoas não conseguiam fazer.

Mas Diante disso:
Como vencer o poder da Inveja?

1) NÃO ACEITE SER NIVELADO POR BAIXO, VIVA ACIMA DA MEDIOCRIDADE E DA AMARGURA.
Para que os propósitos de Deus se cumpram você precisa ser uma pessoa que não viva segundo os parâmetros que as pessoas querem que você viva.
Eles queriam que José fosse um escravo.
Mas Deus havia mostrado para ele que seria maior que seus irmãos.
Eu vou dizer para você o que aconteceu quando as pessoas jogavam José mais para o fundo do poço (ele fazia planos ele firmava os seus propósitos)
Olha eu vou te ajudar a decifrar o sonho mas lembre-se de mim.
Queridos, firme seus propósitos com Deus faça planos para melhor. Não deixe que a inveja o leve ao estágio final de seus propósitos.

2) MANTENHA O CORAÇÃO PROTEGIDO COM A GRAÇA DE DEUS E TENHA EM SUA VIDA O HÁBITO DO PERDÃO.
A maior causa da amargura de alma é o martirizar, mexer durante toda a vida na ferida.

Algumas pessoas não conseguem desfrutar e nem conquistar nada porque estão com os olhos nas pessoas ao seu redor e não nos objetivos.
José teve que passar por um caminho difícil na sua trajetória.
perseguição em casa, traído pelos irmãos, tentado no trabalho, foi para um cárcere sem dever.
Mas venceu com a graça de Deus em sua vida.
Porque é a graça de Deus, o Karis que nos mantém protegidos do sentimento de derrota, de retaliação e de vingança.

Lembre-se sempre que o poder da inveja é vencido com atitudes firmes e um coração que se mantém debaixo da graça salvadora de Cristo.
Bispo. Capelão/Juiz. Mestre e Doutor em Ciência da Religião Dr. Edson Cavalcante.


0 comentários:

Postar um comentário

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.