Subscribe:

quinta-feira, 16 de abril de 2015

PERSEGUIÇÃO UMA CONSTANTE NA VIDA DO CRENTE...


                         PERSEGUIÇÃO UMA CONSTANTE NA VIDA DO CRENTE...
PERSEGUIDOS, MAS USADOS POR DEUS.
“E o Senhor teu Deus porá todas estas maldições sobre os teus inimigos, sobre aqueles que te tiverem odiado e perseguido”. (Dt 30.7)

INTRODUÇÃO
Todos quantos quiserem ser usados por Deus saibam que enfrentarão oposições de diversas pessoas e até da sua própria casa quando são usadas pelo inimigo, não somos diferentes dos nossos pais ou heróis da fé, eles foram odiados e provados de todas as maneiras, “Ora, todos quantos querem viver piedosamente em Cristo Jesus serão perseguidos” (II Tm 3.12). Estamos sujeitos as mesmas perseguições desde que nos dispomos em fazer a vontade de Deus, contudo devemos tomar como exemplo os sofrimentos e paciência dos profetas que falaram em nome do Senhor (Tg 5.10). Neste breve comentário discorreremos acerca de personagens bíblicos que foram perseguidos, mas, no entanto não deixaram de ser usados pelo Senhor.

I. Inimigos, perseguidores dos homens de Deus.
- Os cincos reis que se levantaram contra Abrão, mas, Deus lhe deu vitória com poucos homens (Gn 14.14-17).
- Os irmãos de José, que conspiraram contra ele (Gn 37.18)
- Os filhos de Corá, esses se rebelaram contra Moisés, questionando a sua liderança (Nm 16.1-3)
- Os inimigos de Josué (Jericó Js 6.1) Jericó “cidade das palmeiras” Dt 34.3, era cidade mui fortalecida, com muros enormes. Era importante pelo tamanho, riqueza e, acima de tudo, bloqueava a entrada dos israelitas na Terra.
- Acabe e Jezabel eram perseguidores de Elias (I Rs 18.17; 19.2)
- Acabe odiava Micaias por falar as verdades do Senhor (I Rs 22:8,18)
- O rei da Assíria perseguia Eliseu por ele saber os segredos das estratégias de guerra (II Rs 6.11-13)
- Os Sambalate, Tobias e Gesem perseguidor de Neemias para impedir a construção dos muros de Jerusalém. (Ne 2.19; 4.1-3)
- Os amigos de Jó, que o condenava por estar em falta com Deus (Jó 2.11-13; Elifaz 4.1-21; Bildade 8,1-22; Zofar 11.1-20; Eliú 32.1-22).


II. Deus faculta vitória.
- Abraão, com poucos homens venceu os inimigos (Gn 14:14)
- José, seus irmãos recorreram ao governador do Egito para não morrer de fome. (Gn 42.3-6)
- Moisés, derrotou os filhos de Corá, Datã e Abirão (Nm 16.28-35)
- Josué, quando conquistou Canaã (Js 6:2)
- Davi diante de um gigante “É ele que dá vitória aos reis e que livra a Davi, seu servo da espada maligna” (Sl 144.10).
- Elias, Acabe e Jezabel foram derrotados. (I Rs 22:34; II Rs 9:30-37)
- Eliseu triunfou diante dos seus inimigos, e até depois de morto Deus fez milagre através dele (II Rs 13.20,21)
- Neemias, foi vitorioso diante dos seus inimigos na construção dos muros de Jerusalém. (Ne 6:15,16)
- Mardoqueu, Hamã, foi enforcado em seu lugar. (Et 7:9,10)
- Jó, os amigos que lhe humilharam, tiveram que fazer fila com suas novilhas e carneiros, para receber a sua oração. (Jó 42:8,9)
“O cavalo se prepara para a batalha, mas do Senhor vem a vitória” (Pv 21.31)

III. Devemos ser resilientes diante dos nossos inimigos
- Não perder o equilíbrio e estudá-los com antecipação, Neemias conhecia bem as estratégias dos seus inimigos.
- Ser forte e agir com determinação, eles não podem impedir de você ser usado por Deus (II Tm 2.1)
- Enfrentá-lo, independente das circunstâncias com a certeza de vencê-lo (Rm 8.37; I Co 15.57; Fp 4.13).

CONCLUSÃO
Ninguém poderá impedir Deus te usar, a única pessoa que pode é você. Assim como o Senhor concedeu vitória no passado, dá no presente e futuro a todos quanto lhe obedecem, (2 Co 4.8-10)...
Bispo. Capelão/Juiz. Mestre e Doutor em Ciência da Religião Dr. Edson Cavalcante


0 comentários:

Postar um comentário

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.