Subscribe:

sexta-feira, 14 de março de 2014

FRACASSOS E VITÓRIAS...


                                                     FRACASSOS E VITÓRIAS...
O fracasso faz parte da vida. Ele é o preço que pagamos pelo progresso. Por isso precisamos aprender a viver com os erros e olhar para o fracasso por um aspecto positivo. Precisamos ser fortes diante dos insucessos. Salomão diz: “Se te mostras fraco no dia da angústia, a tua força é pequena” (Pv 24.10). John Maxwell diz: “A diferença entre as pessoas medianas e os empreendedores é sua percepção e sua reação diante do fracasso”. Paul J. Meyer confirma: “a vida é 10% daquilo que acontece comigo e 90% de como eu reajo a isto”.
Israel, após a grande vitória contra a poderosa Jericó, foi derrotado de forma humilhante por Ai (Josué 7). A causa da derrota coletiva foi o pecado de Acã. O pecado foi investigado, identificado, confessado, julgado e punido. Mas, Israel precisava continuar marchando e Ai precisava ser enfrentado e derrotado. Não importa quantos erros venhamos a cometer, o pior erro de todos é não tentar outra vez. Alexandre Whyte diz: “A vida cristã vitoriosa é uma série de recomeços”. O capitulo de Josué 8 nos ensina a transformar derrotas em vitória. Nele aprendemos a recomeçar de forma mais inteligente. Para transformamos fracassos em vitórias precisamos de três atitudes.
Primeira atitude, precisamos nos animar no Senhor.
“Disse o SENHOR a Josué: Não temas, não te atemorizes” (v.1). Todo fracasso gera desanimo quanto ao passado e medo do futuro. A cura para isso é o animo e a força que vem de Deus. Nas derrotas e nos fracassos da vida precisamos nos animar no Senhor. Quando os Amalequitas invadiram e destruíram a Ziclague, levando cativos as famílias e os bens de Israel, Davi precisou se animar no Senhor: “Davi muito se angustiou, pois o povo falava de apedrejá-lo, porque todos estavam em amargura, cada um por causa de seus filhos e de suas filhas; porém Davi se reanimou no SENHOR, seu Deus” (1 Samuel 30.6). Davi se reanimou no Senhor, e com a autorização divina, foi atrás e reconquistou tudo o que o inimigo havia levado. Faça como Davi: reanime-se no Senhor, seu Deus.
Segunda atitude, precisamos seguir as estratégias de Deus.
Deus sempre tem um plano estratégico para o seu povo. E o caminho mais curto e eficaz para a vitória é seguirmos as estratégias de Deus. Em sua primeira investida contra Ai, Josué seguiu o conselho dos homens e usou apenas parte da sua força militar. Agora, Deus diz: “toma contigo toda a gente de guerra, e dispõe-te, e sobe a Ai” (v.1). Deus ordena a Josué a usar todo o seu potencial de guerra. A estratégia divina tomou por base a derrota anterior, pois Deus nos ensina a transformar fracassos em sucessos. A estratégia que Deus deu a Josué para vencer Ai foi o oposto da estratégia usada em Jericó. Deus tem estratégias diferentes para cada empreendimento da nossa vida. Não confie em estratégias de sucesso, mas em Deus. Charles Stanley diz: “Ter sucesso é, dia após dia, ser como Deus quer que sejamos e alcançar as metas que estabelecemos sob a orientação dele”.
Terceira atitude, precisamos agir confiados nas promessas de Deus.
Deus diz a Josué: “olha que entreguei nas tuas mãos o rei de Ai, e o seu povo, e a sua cidade, e a sua terra” (v.1). A vitória vem do Senhor para aqueles que se apropriam das suas promessas. A promessa de Deus não tem nenhuma eficácia se não for acompanhada pela fé: “Porque também a nós foram anunciadas as boas-novas, como se deu com eles; mas a palavra que ouviram não lhes aproveitou, visto não ter sido acompanhada pela fé naqueles que a ouviram” (Hebreus 4.2). Sem fé é impossível agradar a Deus e receber dele alguma vitória.
Não importa o tamanho ou a dimensão do seu fracasso. Você pode levantar e recomeçar outra vez. F. W. Robertson disse: “A vida, assim como a guerra, é uma série de erros, e não é o melhor cristão nem o melhor general que dá o menor número de passos em falso. A mediocridade pode levar a essa ideia. Na verdade, porém, o melhor é aquele que conquista as vitórias mais esplendidas extraindo-as dos erros. Esqueça os erros; use-os para organizar vitórias”...

BISPO/JUIZ. MESTRE E DOUTOR EM ÊNFASE E DIVINDADES DR.EDSON CAVALCANTE

0 comentários:

Postar um comentário

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.